quarta-feira, 15 de abril de 2009
nas_ondas_6
                                      Foto: Clark Little

NAS ONDAS DO TEU CORPO
Manuel Neves


Nas ondas do teu corpo
descobri o sal do amor,
flutuei carícias de prazer,
mergulhei a minha vida.
Ao abraçar-te,
despi-me por inteiro,
só o sangue
seguiu meus movimentos
e o horizonte
abriu-se de todas as cores,
inundando de pássaros e florestas
um outro mundo
em que os sonhos corriam
como as águas dum porto tranqüilo
ou caindo pelos abismos duma cachoeira.
Nas ondas do tempo parado
dos dias esquecidos
por uma felicidade
maior do que tudo que sou,
encontrei-te
e os sonhos voaram
no teu corpo sentido,
no teu olhar desperto,
em nossas vidas unidas...


End. da imagem: clarklittlephotography.com

Claude_Theberge_A_Moment_of_Tenderness
                                                Imagem: Claude Theberge

PORQUE O AMOR APETECE
Eugénio de Andrade


Não canto porque sonho.
Canto porque és real.
Canto o teu olhar maduro,
teu sorriso puro,
a tua graça animal.

Canto porque sou homem.
Se não cantasse seria
mesmo bicho sadio
embriagado na alegria
da tua vinha sem vinho.

Canto porque o amor apetece.
Porque o feno amadurece
nos teus braços deslumbrados.
Porque o meu corpo estremece
ao vê-los nus e suados.

Related Posts with Thumbnails

Poética

Poesias

Poetas

Vídeos

A Voz aqui

Pergunte-me

Me leva!

A Poética dos Amigos

Google+

Feed

Posts Coments

Receber postagens por E-mail

Perdi todos :'(

Arquivos