quinta-feira, 29 de abril de 2010

aurora_boreal
                                            Imagem*

VER CLARO
Eugénio de Andrade

Toda a poesia é luminosa, até
A mais obscura.
O leitor é que tem às vezes,
Em lugar de sol, nevoeiro dentro de si.
E o nevoeiro nunca deixa ver claro.
Se regressar
Outra vez e outra vez
E outra vez
A essas sílabas acesas
Ficará cego de tanta claridade.
Abençoado seja se lá chegar.

*Imagem by Google
A imagem pode ter direitos autorais.

terça-feira, 27 de abril de 2010

Gwen_Peine_Toomalatai_gate_beautiful
                          Pintura de Gwen Peine Toomalatai


MOMENTO
Augusto Sérgio Bastos

 
A vida, por exemplo,
esse intervalo
de cores reticentes,
tem no ar a despedida.

Respiração discreta,
a via clara
o vinho tinto,
pouco a pouco
me ponho na ponta dos pés.

(Entre o cinza do amanhã
e o branco da espera,
me permito o azul)

A porta aberta,
o vão do tempo,
a vida apenas,
este momento.

segunda-feira, 26 de abril de 2010

Veja o vídeo e voe junto, numa viagem inesquecível.

Vídeo < DAQUI

 Gary_Benfield_renaisssance
                  Pintura de Gary Benfield

 
SONHO, FANTASIA...
Edna Lopes


Meu sonho
Mais recorrente
São as promessas
Que li
Em teu olhar

Minha fantasia mais
Intensa
É tua voz
Sussurrando em meu ouvido.

Amo-te nas entrelinhas
Do cotidiano.


Edna Lopes é de Maceió, Alagoas

Blog Viver Poesia

sexta-feira, 23 de abril de 2010

image 
                                                   Do Meme


As pessoas ficam procurando o amor como solução para todos os seus problemas quando, na realidade, o amor é a recompensa por você ter resolvido os seus problemas.


Norman Mailer

image
                          Pintura de Carrie Graber


CÂNTICO DE BARRO
Maria Alberta Menéres

Inquieta chuva, inquieta me dispersa,
esquecida a tradição e o cansado som. 
Dentro e fora de mim tudo é deserto
como se as ervas fossem arrancadas
ou se esgotasse a dor por que se chora.

Na grande solidão me basta, e a contemplo
para o sonho interior que me resolve! 
Tão fácil é esperar, que já nem sinto
o que vem a dormir ou a morrer
na mesma angústia que o silêncio envolve.

quinta-feira, 22 de abril de 2010


É necessário abrir os olhos e perceber que as coisa boas estão dentro de nós, onde as coisas boas não precisam de motivos nem os desejos de razão. O importante é aproveitar o momento e aprender a sua duração, pois a vida está nos olhos de quem sabe ver.


Gabriel Garcia Marquez

segunda-feira, 19 de abril de 2010

O novo visual do blog do Poeta das Rosas, Anderson Christofoletti, entrou no ar hoje - 19/04 - dia do seu aniversário.

      Da Poesia à Poesia Inexistente
image

Minha fotoAnderson Christofoletti

Incorporo tuas luzes
Como quem reconstitui uma aurora
Perdida no exato instante
De sua fecundação.
Preso ao tempo desta vida
Pondero sobre o imponderável,
Dou vida ao inanimado,
Faço poesia da poesia inexistente.”

A Voz da Poesia  se junta aos amigos para prestar esta singela homenagem.
Parabéns, Poeta!
 
Visite também:
quinta-feira, 1 de abril de 2010

19/04 – Anderson Christofoletti (Poetas da Voz da Poesia)
Site: A Voz da Poesia
Blog: Da Poesia à Poesia Inexistente

24/04 - Genilda Silva (Dihitt)
No Dihitt
Blog: Escritura Viva 

26/04 – Maria Marçal (Dihitt)
No Dihitt
Blog: Maturidade

27/04 – Charles Netto (Dihitt)
No Dihitt
Blog: Se Deus é por nós

 imageimage

imageimage
Selinho para todos os aniversariantes de Abril

Related Posts with Thumbnails

Poética

Poesias

Poetas

Vídeos

A Voz aqui

Pergunte-me

Me leva!

A Poética dos Amigos

Google+

Feed

Posts Coments

Receber postagens por E-mail

Carregando...

Perdi todos :'(

Arquivos