quarta-feira, 10 de novembro de 2010

Faz alguns dias que estava com problemas para abrir páginas com áudio ou vídeo em que se usa o média player, como também usar alguns programas do Windows como, por exemplo, o Live Writer.

Nas páginas da Web aparecia esta mensagem: “Can not creat directshow player” e o Live Writer fechava assim que era aberto.

Pesquisando nos Fóruns achei a solução, sem precisar desinstalar ou reinstalar abslotumente nada. Vou deixar o link do Fórum, e também a dica do autor:

“iniciar, executar, digite:
regsvr32 vbscript.dll tecle enter,dê ok
reinicie”

Fiz como indicado acima e problema resolvido!

Fonte: >> DAQUI

projeto_itau

Todos os anos, junto com a Fundação Itaú Social, o Banco Itaú busca
reforçar a importância do ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente).
Este ano a ação convida toda a sociedade a contribuir para o desenvolvimento dessas crianças através de um gesto simples: a leitura para criança de até 6 anos.

O Itaú está distribuindo, gratuitamente, 8 milhões de livros.
A Coleção Itaú de Livros Infantis é feita de quatro volumes. Você recebe em sua casa, em qualquer lugar do Brasil. O seu único compromisso é ler um livro para uma criança e repassar esse livro para outra pessoa fazer o mesmo.

Para pedir seus livros acesse o site www.lerfazcrescer.com.br




Meu Nome É Noite Vadia
Composição: Altay Veloso
Intérprete: Vitor Ramil




Meu nome é noite vadia  
minha namorada é uma estrela 
A minha casa é a estrada 
Seja ela qual for.


O meu cavalo ainda é o vento 
Mas minha coragem é meu chicote 
A minha casa é a estrada 
Seja ela qual for.


Sou como a lira bonita 
Nas mãos de um moço leviano 
Canto a alegria e a tristeza 
Que ele me faz cantar.


Sou um corcel puro sangue 
Mas meu dono é um cigano 
Por isso nunca moro 
muito tempo 
Num mesmo lugar.


Às vezes sou como as águias 
Bailo nos céus e nas alturas 
E às vezes me arrasto 
Qual serpente sobre o capinzal 
E às vezes sou tão sereno 
Como é serena a brisa do outono 
E às vezes fico enlouquecido 
Feito um vendaval.


Sou como um peixe 
Que as vezes ainda duvida 
Que o mar existe 
Ou uma pedra de sal 
Que se perdeu do mar 
Sou um dos filhos de Eva 
Nasci depois do Paraíso 
Sou como a lágrima 
Eu não sei o que é chorar.

Entre a Pressa e a Poesia
Trevisan
Composição: Trevisan

Ela me pede poesia
E eu peço paciência
Pressa não rima com flor
Nem lua rima com urgência
Ela não sabe esperar
E eu que me desespero
Ela só quer ouvir rima
E eu me perco nos versos

Ela me acha tão lelé
Que não lê
A poesia que eu dedico a escrever

É necessário ver poesia
No arroz com feijão
É Itamar Assumpção
É ficar bem isso sim...
São apenas meias palavras
Sem sentido
Que de tão sentidas
Se sentem obrigadas a serem citadas, recitadas.

Vai lá mas não lê
Vai lá mas não lê
Me acha tão lelé
Que vai lá mas não lê

aprendi_a_deslizar_por_entre_estrelas


Aprendi a deslizar por entre estrelas
De constelações desconhecidas.

O céu – à noite – é mais inconsequente:
Tem um abraço acolhedor.
Mas, ao mesmo tempo,
Um beijo lascivo
Que a gente não vê.
Apenas sente.

- Durante o dia?
À luz do sol
Crio pegadas
E oculto asas…

Linda

Anderson Christofoletti >> DAQUI

Related Posts with Thumbnails

Poética

Poesias

Poetas

Vídeos

A Voz aqui

Pergunte-me

Me leva!

A Poética dos Amigos

Google+

Feed

Posts Coments

Receber postagens por E-mail

Carregando...

Perdi todos :'(

Arquivos