quinta-feira, 24 de dezembro de 2009




Oração de São Francisco de Assis

Senhor, fazei-me instrumento de vossa paz.
Onde houver ódio, que eu leve o amor;
Onde houver ofensa, que eu leve o perdão;
Onde houver discórdia, que eu leve a união;
Onde houver dúvida, que eu leve a fé;
Onde houver erro, que eu leve a verdade;
Onde houver desespero, que eu leve a esperança;
Onde houver tristeza, que eu leve a alegria;
Onde houver trevas, que eu leve a luz.
Ó Mestre, Fazei que eu procure mais
Consolar, que ser consolado;
compreender, que ser compreendido;
amar, que ser amado.
Pois, é dando que se recebe,
é perdoando que se é perdoado,
e é morrendo que se vive para a vida eterna
.

4 comentários:

Principe Encantado disse...

Esta é a mais lindas das orações, muito obrigado amiga.
Abraços forte

Leila disse...

Isso é bonito mesmo. Gostava de tocar no violão, em forma de música.

LISON disse...

Saudações Fraternas!
Amiga Serenissima,
Que Post Fantástico!

É uma das mais belas e profundas orações que já conheci!
Parabenizo-a pela escolha e homenagem!
Parabéns pelo lindo Post!
Abraços fraternos,
LISON.

ednei disse...

Muito obrigado pela oração,linda na voz de ana carolina

Related Posts with Thumbnails

Poética

Poesias

Poetas

Vídeos

A Voz aqui

Pergunte-me

Me leva!

A Poética dos Amigos

Google+

Feed

Posts Coments

Receber postagens por E-mail

Perdi todos :'(

Arquivos